estou à beira de um certo precipício, onde tudo o que pode vir a definir a minha vida, está à distância de um passo, e eu não sei para onde hei de dar esse passo . .
não sei se ando para a frente, olhando para o futuro e preocupando-me só com ele, descobrindo aquilo que me espera e pondo-me à prova, tentando descobrir se sou capaz de enfrentar todos os problemas que agora me preocupam tanto, ou se dou um passo para trás com medo de que o meu destino se estrague, caindo desse tal precipício, e ao cair talvez encontre aquilo de que eu tenho mais medo, o medo.
sim, eu tenho medo do medo, tenho medo do desconhecido, tenho medo da escuridão, tenho medo de um velhinho que está na rua com um sorriso falso mas com cara de abandono .. morro de medo do abandono, e é assim, tenho muitos medos e tenho muita pouca coragem . não sou capaz de pensar direito no meu destino, pois posso correr o risco de me entregar a algo, sem saber se valerá mesmo a pena .
 porque é que eu me devo entregar a algo que só me pode trazer de volta a dor de perder uma grande parte de mim, e da minha história ?  mas também, porque é que eu hei de ficar parada e não arriscar, e ser realmente feliz? 
dizem que se arriscar, vai valer a pena .. mas quem o diz, não sabe como é que as coisas podem ser se tudo não der certo. e depois dizem 'mas tu só sabes se tentares, e arriscares!', e eu penso 'bem.. eu já fiz isso tantas vezes, e quando eu pensava que estava a conseguir, tudo se desmoronava.. e eu sentia-me a pessoa mais infeliz do mundo, uma pessoa miserável'.
por isso, eu penso em cada passo que dou, procuro outros caminhos, outros rostos .. mas acaba sempre por voltar tudo ao mesmo, tudo me leva à mesma pessoa !
parece que o meu caminho já está traçado, e que todas as ruas me levam sempre ao mesmo lugar.
eu quero cor, alegria, eu quero um sorriso direccionado a mim, só a mim, e quero poder retribuir esse sorriso, com o sorriso mais sincero do mundo!
eu quero ter coragem para arriscar, para provar que eu vou conseguir ser feliz com ele, mas eu não tenho .. agora duvido de tudo, e isso dói tanto, porque eu uma vez tive um brilho de um olhar mesmo em frente a mim, tive um sorriso sincero e uma pessoa fantástica comigo. mas acabei por perde-la, e isso causou-me dor e sofrimento, e deixou as marcas que eu não queria, e agora, que estava tudo bem.. deixou-me inseguranças.
neste momento nada mais resta de mim.. resta-me apenas esperar para que o futuro decida tudo por mim.
  
por favor, mostra-me que tudo isto vai dar certo, tenho muitas saudades tuas, meu amor ...
  

4 comentários:

soraiafontes disse...

arrepiei-me toda, está demais :s
e como tu dizes 'parece que o teu destino já está traçado'. e vale sempre a pena, mesmo que as coisas corram mal, tu vais aprender com os teus erros e para a próxima não vais cair outra vez, vale sempre a pena, acredita.

jo. disse...

exacto, tudo me leva a ele.
eu sei aquilo que ambos sentimos, mas.. às vezes duvido de tudo, sol..

soraiafontes disse...

eu percebo-te :s
mas não te centres só nas coisas más..

jo. disse...

vou tentar.. :s