« e existe aquela dor, que nenhum remédio pode aliviar. »

e pronto.. cá estou eu, mais uma vez, a desabafar neste meu cantinho. não tenho com quem falar, e tenho imensa coisa trancada aqui dentro, percebem?
muitas coisas têm vindo a acontecer, em casa, mal consigo estar. não suporto a ideia de ficar separada de algum deles, não suporto as discussões e a indiferença. parece que não existo e agora só tenho tido a atenção do meu pai, porque está em casa, mas nem assim é a atenção que eu desejava ter. a minha mãe, só quer saber da minha avó e também não está bem, e só me sabe atirar todos os dias à cara os meus maus resultados na escola.
na escola, as coisas estão na mesma. o meu telemóvel ainda não apareceu, não estou motivada com os estudos e ainda por cima, o 'a' anda-me a provocar imenso !
ontem, houve um torneio de futebol na escola, e eu fui ver com dois amigos meus. um deles, é como um irmão para mim, e o 'a' no fundo sabe, mas nem assim deixou de pedir a um amigo (que eu por acaso detesto, tanto a ele, como à namorada) para mandar uma daquelas boquinhas que eu não suporto.
estou farta! toda a gente sabe só de metade dos meus problemas, porque o resto eu prefiro nem contar, e pensam que os meus problemas não são nada demais, mas são, e eu é que prefiro omiti-los.
sou forte mas não sou de ferro. tenho coração e sentimentos, e às vezes ninguém percebe isso. por vezes só me apetece mesmo, afastar-me de tudo e de todos.

8 comentários:

- Susana . disse...

adoro e sigo*

Catarina Abreu . disse...

ó minha linda, nem sei que diga xs olha, levanta-me essa cabeça e pensa positivo por mais que te custe, tudo vai melhorar na tua vida, estou a torcer por ti! força (:

catarina disse...

mt obgd :)
também gostei do teu»

r i t a m a r i a disse...

obrigada, obrigada, obrigada !

oh jo, como eu conheço essa sensação. estou cá para tudo *

Anónimo disse...

ei, não quero que te afastes de mim, estas a perceber? ai de ti :c
amo-te
/noqui

dudu disse...

Como percebo bem o que sentes, mas há que ter força, muita força e sobretudo acreditar...
gostei muito do blog, sigo ((:

joana. disse...

não noqui-noqui, sabes bem que vou estar aqui, smp que precisares ! :)

Ana Margarida disse...

Muita força.